Livia Koeche
Arquiteta (Architect)/
Urbanista (Urbanist)/
Animadora (Animator)/
Ilustradora (Illustrator)/
Cenógrafa (Scenographer)



About
_________

Illustration
Animation
Architecture
Scenography
Installation

© Livia Koeche 2018
HotGlue
Video
Pela UFRGS | 2015

documentário gravado ao longo de quinze dias em setembro de 2015, seguindo as diretrizes do Dogma 95 e referenciado no At Berkeley, expõe o cotidiano da vida universitária da Universidade Federal do Rio Grande do Sul com diversos olhares ingênuos. a equipe realizadora, composta por membros da Faculdade de Arquitetura, da Pós Graduação em Planejamento Urbano e da Geografia, explicita e assim instaura o óbvio latente na vivência diária do território da Universidade. tomada em sua dimensão cotidiana e não como obra, antes como artefato do que como dado, aqui a produção de sentido depende simultaneamente dos usos descobertos pelos narradores do discurso audiovisual, também agentes cotidianos.
Tudo que é sólido desmancha no ar | 2012

resenha expandida do livro Tudo que é sólido desmancha no ar, do filósofo Marshall Berman, tendo como objeto de significação e análise interdiscursiva o percurso da Av. Independência, em Porto Alegre, entre as praças Julio de Castilhos e Dom Feliciano.
Território do Brasil no Cinema | 2012

Solve et coagula
Aqui realiza-se a síntese do estudo analítico de três filmes brasileiros: Rio, 40 Graus (1955, dir.: Nelson Pereira dos Santos), São Paulo, Sociedade Anônima (1965, dir.: Luís Sérgio Person) e Kuarup (1989, dir.: Ruy Guerra). Com base nas relações subjetivo-territoriais em cada discurso, para além das instaurações apresentadas pelos dois primeiros filmes que problematizam o território urbano, desenvolve-se uma ampliação analítica pela apresentação da construção do espaço urbano-metropolitano do sudeste em diálogo com o território amazônico indígena do Alto Xingu. A composição interdiscursiva resultante é uma interpretação – dentre as possíveis – sobre as dinâmicas culturais nas quais o embate discursivo toma lugar, sob suas variadas formas: narrativa, fílmica, arquitetônica, socioespacial, etc.
gpitufrgs.wordpress.com/
gpmcippur.net/
https://www.ufrgs.br/gpit/